SÍMBOLO

Estrela pura,
estrela inocente,
o teu corpo branco
treme no meio da noite,
da noite cheia de volúpia e de pecado...

Cuidado com a pureza de tua carne luminosa!
Conserva intacta a tua grinalda!
Olha, estrela,

se te afastares da rota que Deus te traçou,
se deixares o ritmo eterno
pela glória efêmera de um minuto,
- a noite entrará em ti!
E rolarás no vácuo,
conspurcada, fria e sem luz,
como uma coisa inútil,
como um destino que se perdeu...